História do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB)

O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) foi criado no dia 15 de maio de 1945, no Rio de Janeiro, época em que a cidade ainda era o Distrito Federal


O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) foi criado no dia 15 de maio de 1945, no Rio de Janeiro, época em que a cidade ainda era o Distrito Federal.

Nascido sob inspiração de Getúlio Vargas, o PTB foi um marco autêntico a modernidade política. O programa partidário do partido pregava algumas reformas, como a educativa, urbana e agrária.

O ênfase do programa partidário do PTB era o crescimento econômico, nacionalização de recursos e educação e o desenvolvimento industrial. A base eleitoral do PTB era operários urbanos. Tinha também uma forte ligação com os sindicatos, cujos dirigentes possuíam ligações políticas com ministros do trabalho getulistas.

O partido estava inserindo um contexto populista, que acabou dominando a prática política desde o Estado Novo.

historia-do-partido-trabalhista-brasileiro-ptb

Foto: reprodução/site PTB

Quando Vargas morreu, em 1954, uma boa parte dos aliados ao PTB mudaram de posicionamento político. Cada vez mais era defendido as leis trabalhistas dentro do partido.

Em 1965, graças à AI-2, o PTB deixou de existir. Quase todos os petebistas que não foram exilados ou cassados migraram para o recém criado MDB. Esse “bipartidarismo” durou até quase a década de 80, quando o então presidente João Figueiredo recuperou o pluripartidarismo no processo de abertura política.

Depois da anistia, vários trabalhistas puderam voltar para o Brasil, onde já estavam organizando a reformulação do partido, dessa vez sobre a liderança de Leonel Brizola.

Uma parte do grupo também era liderada por Ivete Vargas, sobrinha de Getúlio e antiga presidente do PTB paulista. Houve então uma disputa entre esses dois grupos sobre a sigla e legenda do PTB. Mas o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu a causa para o grupo de Ivete, em 1980. Sendo assim, o grupo de Brizola acabou fundando um outro partido, o Partido Democrático Trabalhista (PDT).

A partir do fim de 2014, a presidente nacional do PTB ficou sendo a deputada federal Cristiane Brasil, filha do deputado Roberto Jefferson.


Reportar erro