Óxidos

Os óxidos são elementos químicos estudados nessa área. São eles os compostos binários que tem como elemento mais eletronegativo o oxigênio. Por exemplo, quando…


Os óxidos são elementos químicos estudados nessa área. São eles os compostos binários que tem como elemento mais eletronegativo o oxigênio. Por exemplo, quando tomamos os compostos CO2, SO2, Na2O, Fe2O3 e ZnO, além de muitos outros, podemos notar que o oxigênio está presente e ligado a mais um elemento. Estes são os óxidos.

Fórmula geral

Esses elementos carregam uma fórmula geral, que pode ser representada como demonstrado abaixo.

Óxidos

Como exemplo, vamos tomar o composto OF2. Nesse, temos o flúor como único elemento mais eletronegativo que o oxigênio e, portanto, não trata-se de um óxido de flúor, mas sim de fluoreto de oxigênio.

Características

Os óxidos possuem ligação entre o oxigênio e o outro elemento que o compõe, podendo tratar-se de ligação iônica ou covalente.

Óxidos iônicos

Os óxidos iônicos são aqueles compostos em que o oxigênio está ligado a um metal que possui baixa eletronegatividade que fornecem elétrons para ele, como alcalinos e alcalino-terrosos.

Ex.: Li2O e MgO

Óxidos moleculares ou covalentes

No caso dos óxidos moleculares ou covalentes, trata-se de compostos em que o oxigênio está ligado a um outro elemento que possui uma alta eletronegatividade. Como exemplo, podemos citar o CO2, SO2 e NO.

Óxidos

Óxidos de ferro | Foto: Reprodução

Nomenclatura

Os óxidos são nomeados de acordo com os grupos de divisão.

Quando são óxidos moleculares, são chamados basicamente de “óxido de elemento”, sendo que antes da palavra óxido e do nome do elemento, podemos colocar indicativos da quantidade de oxigênio presente na fórmula: mono, di, tri, tetra, penta e demais prefixos. Por exemplo, o CO2 é chamado de dióxido de carbono; o N2O5 é pentóxido de dinitrogênio; e o Cl2O7 é heptóxido de dicloro. Quando for apenas um, o uso do prefixo mono é facultativo: pode-se escrever monóxido de carbono ou óxido de carbono para CO.

Já no caso dos óxidos iônicos, a palavra óxido aparece seguida da preposição de e o nome do elemento associado. Por exemplo, Na2O é chamado de óxido de sódio, e CaO é chamado de óxido de cálcio.

Quando há a formação de dois cátions diferentes por parte do elemento metal, a distinção pode ser feita de forma semelhante ao que é feito com as bases e sais:

FeO, por exemplo, fica óxido de ferro II, ou óxido ferroso;

Fe2O3 é chamado de óxido de ferro III ou óxido férrico.

Classificação

Esses elementos podem ser classificados em ácidos, básicos, anfóteros ou neutros.

Os básicos reagem com a água e formam base, mas também reagem com ácidos e formam sal e água.

Os ácidos reagem com a água formando ácido, e com a base reagem formando sal e água. São todos moleculares.

Anfóteros, por sua vez, são os que reagem tanto com ácido como com base.

E por fim, os neutros, que não reagem nem com o ácido e nem com a base.


Reportar erro