Conheça sobre os graus do adjetivo e do advérbio em espanhol

Os adjetivos sofrem variação de grau de três maneiras: positivo, comparativo e superlativo; e os advérbios podem ter grau comparativo e superlativo

O adjetivo é a palavra invariável que qualifica ou determina o substantivo. Deve concordar sempre com o nome que o acompanha, sofrendo variação de gênero, número e grau. O advérbio, por sua vez, é uma palavra invariável que pode modificar um verbo, um adjetivo ou outro advérbio.

Neste artigo, abordaremos os graus do adjetivo e do advérbio em espanhol.

Grau dos adjetivos

No espanhol, os adjetivos sofrem variação de grau de três maneiras: positivo, comparativo e superlativo.

Conheça sobre os graus do adjetivo e do advérbio em espanhol

Foto: depositphotos

Grau positivo

O grau positivo é considerado normal, pois indica simplesmente a qualidade do substantivo.

Observe atentamente os exemplos a seguir:

-Vivo en una calle ancha. (Moro em uma rua larga)
-El coche de Juan es bello. (O carro do Juan é bonito)
-Nicolás es un chico inteligente. (Nicolás é um menino inteligente)
-Tu casa es grande. (Tua casa é grande)

No grau positivo, o adjetivo aparece como ele é.

Grau comparativo

Estabelece uma relação de igualdade, inferioridade ou superioridade.

Veja os exemplos a seguir:

-Juan es más inteligente que Pedro. (superioridade)
-Juan es menos inteligente que Pedro. (inferioridade)
-Juan es tan inteligente como Pedro. (igualdade)

Grau superlativo

Expressa a qualidade do substantivo no grau mais elevado, ou seja, de forma intensa. Pode ser absoluto ou relativo.

Superlativo absoluto: Kate es divertidísima./ Kate es muy divertida.
– Superlativo relativo: Kate es la más divertida de mis amigas.

Grau dos advérbios

Os advérbios podem expressar circunstâncias de lugar, tempo, modo, afirmação, negação etc. Classificam-se em: advérbios de lugar, de tempo, de modo, de quantidade, de afirmação, de negação e de dúvida.

Na língua espanhola, os advérbios podem ter grau comparativo e superlativo.

Grau comparativo

A forma comparativa é construída com a utilização de “tan… como” (igualdade), “más…que” (superioridade) o “menos…que” (inferioridade).

Observe os exemplos a seguir:

-Daniela corre tan rápidamente como Verónica.
-María corre más rápidamente que Verónica.
-Verónica corre menos rápidamente que María.

Existem algumas exceções, como, por exemplo: bien/mejor; mal/peor; poço/menos etc.

Grau superlativo

Alguns advérbios admitem a forma superlativa absoluta, com o acréscimo da terminação –ísimo.

Observe os exemplos a seguir:

-Mucho – Muchísimo
-Tanto – Tantísimo
-Rápido – Rapidísimo
-Bella – Bellísima

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.