Hino nacional brasileiro: história, letra e quem escreveu

Você conhece a história do hino nacional brasileiro e quem escreveu a letra? Nesse artigo você vai descobrir isso e muito mais! Os hinos nacionais são elementos que compõem o conjunto identitário de uma nação, juntamente com o brasão de armas, a bandeira nacional e outros símbolos oficialmente definidos e aceitos. O hino nacional do Brasil foi composto por Francisco Manuel da Silva, embora o responsável pelas palavras que são cantadas (poesia) tenha sido o poeta Joaquim Osório Duque Estrada.

O enredo do hino nacional brasileiro possui um contexto histórico, pois conta o fato de quando o imperador Dom Pedro I declarou a independência do país a Portugal em 7 de setembro de 1822, nas margens do riacho Ipiranga, em São Paulo. No entanto, o hino fala também dos elementos positivos existentes no território brasileiro, como sua natureza exuberante e seu potencial enquanto nação. 

Quem é o autor do hino nacional?

Duas pessoas dividem a autoria do hino nacional brasileiro, que são Joaquim Osório Duque Estrada (1870-1927), o qual escreveu a poesia do hino e Francisco Manuel da Silva (1795-1865), o qual foi o responsável pela elaboração da música do hino nacional. Joaquim Osório Duque Estrada foi um poeta, crítico literário, professor e também ensaísta brasileiro, enquanto Francisco Manuel da Silva foi um compositor, maestro e professor brasileiro.

O hino nacional brasileiro possui uma expressividade em relação a sua letra, considerada profunda, complexa, com palavras rebuscadas. Joaquim Osório Duque Estrada ocupou a cadeira 17 da Academia Brasileira de Letras (ABL), uma instituição de cunho literário e linguístico que reúne pessoas importantes da área como uma tradição. 

Bandeira do Brasil

Joaquim Osório Duque Estrada e Francisco Manuel da Silva são os autores do hino nacional (Foto: depositphotos)

Letra do hino nacional

“Hino Nacional Brasileiro

Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heroico o brado retumbante
E o sol da liberdade, em raios fúlgidos
Brilhou no céu da pátria nesse instante

Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte
Em teu seio, ó liberdade
Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce
Se em teu formoso céu, risonho e límpido
A imagem do Cruzeiro resplandece

Gigante pela própria natureza
És belo, és forte, impávido colosso
E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!

Deitado eternamente em berço esplêndido
Ao som do mar e à luz do céu profundo
Fulguras, ó Brasil, florão da América
Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra, mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores
Nossos bosques têm mais vida
Nossa vida no teu seio mais amores

Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado
E diga o verde-louro dessa flâmula
Paz no futuro e glória no passado

Mas, se ergues da justiça a clava forte
Verás que um filho teu não foge à luta
Nem teme, quem te adora, a própria morte

Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!” 

Veja também: Significado da bandeira do Brasil

Qual é o significado do hino nacional?

A letra do hino nacional brasileiro tem uma complexidade em seu entendimento, já que são utilizadas algumas palavras de época (parnasianismo) e que não são comumente usadas hoje em dia, além disso, mesmo a forma de falar foi alterada ao longo do tempo, o que deixa as pessoas um pouco confusas sobre como interpretar este hino.

O hino nacional traduz a grandiosidade do território brasileiro, mostrando que este é banhado pelo Oceano Atlântico e possui uma biodiversidade muito rica, com suas matas verdes e densas, as variações de paisagens que forma este território.

Ainda assim, o hino não perde seu contexto histórico, pois narra a história do momento em que foi realizado o grito da independência do Brasil, o qual era colônia de Portugal até então. Para buscar compreender melhor o hino, existe uma versão não oficial, mas que traz uma linguagem mais atual e facilitada, confira:

“Hino Nacional Brasileiro (versão simplificada)

As margens tranquilas do riacho Ipiranga ouviram
Um grito muito forte de um povo heroico,
E, nesse instante,
O sol da liberdade brilhou no céu do Brasil,
Com seus raios muito cintilantes.

Nós conseguimos conquistar, com muitas lutas,
A garantia de sermos iguais aos outros.
Ó Liberdade,
Desafiamos a própria morte
Quando estamos junto a ti.

Viva! Viva!
País amado e adorado.

Brasil, um sonho forte, como um raio muito luminoso,
De amor e de esperança desce à terra,
Se a imagem das estrelas do Cruzeiro do Sul,
Brilha em teu céu bonito, risonho e claro.

Pela sua própria natureza és um gigante,
Gigante corajoso, és belo, és forte,
E o teu futuro vai ser grande como tu.

Brasil, Pátria querida,
Entre tantas outras nações,
Tu és a mais adorada.

Brasil, Pátria amada,
És a mãe querida dos filhos
Que nasceram aqui!

Localizado para sempre em terras magníficas,
Banhado por um oceano e pela luz de um céu imenso,
Brilhas, Brasil, joia das Américas,
Iluminado com o sol deste Continente.

Teus campos, risonhos e lindos,
Têm mais flores do que a terra mais enfeitada.
Nossas florestas têm mais vida.
Nossa vida mais amores,
Quando estamos junto de ti.

Viva! Viva!
País amado e adorado.

Brasil, que a tua bandeira estrelada
Seja um símbolo de amor eterno!
E que o verde-amarelo desta bandeira diga:
“Nós temos glórias no passado e no futuro teremos paz”.

Mas se levantares a arma forte da justiça,
Verás que um brasileiro não foge de uma luta!
E quem te adora não tem medo nem da morte.

Brasil, Pátria querida,
Entre tantas outras nações,
Tu és a mais adorada.

Brasil, Pátria amada,
És a mãe querida dos filhos
Que nasceram aqui!”. (Fonte: https://www.soportugues.com.br/secoes/curiosidades/hino.php).

Esta versão não é oficialmente considerada, mas expressa de forma mais simples o que a letra do hino oficial do Brasil quer representar. Se for realizada uma comparação entre os dois hinos, será possível ver que eles falam exatamente da mesma coisa, no entanto, com palavras diferentes, adequadas as épocas em que foram escritos. 

Veja tambémMapa do Brasil: Regiões, estados e capitais

Conclusão

O Brasil é um país soberano, tendo obtido sua independência em relação a Portugal ainda no ano de 1822. Com isso, possui um conjunto de elementos simbólicos oficiais que representam sua condição soberana.

Os principais elementos são a bandeira nacional, o hino nacional, brasão de armas, datas comemorativas, dentre outros. O hino nacional brasileiro é reverenciado em vários momentos, como eventos desportivos, espaços e solenidades oficiais, datas históricas, e ainda assim muitas pessoas não compreendem bem o que significa a poesia deste hino.

As dificuldades de interpretação surgem porque o hino preserva uma linguagem da época em que foi escrito, com palavras que já não são mais utilizadas no cotidiano das pessoas. Ainda assim, o hino brasileiro é considerado muito bonito e expressivo, já que leva em consideração os elementos naturais, mas também a história do país.

Referências

» BRASIL. Ministério da Educação. Prestigiado nesta data, Hino Nacional é ensinado na escola. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/component/tags/tag/39481>. Acesso em: 10 de outubro de 2018.

 

Sobre o autor

Avatar
Mestre em Geografia e Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU) e em Educação Profissional e Tecnológica (São Braz).