Quais são as bebidas com alto teor alcoólico?

Algumas dessas bebidas podem chegar a ter 96% da substância!!

Como o próprio nome já diz, as bebidas alcoólicas possuem concentrações dessa substância. Porém, algumas são mais fortes que outras. Alguns marcas de destilados costumam ter na sua composição até 96% de álcool!

Descubra neste artigo quais são bebidas com alto teor alcoólico, consideradas extremamente fortes e que são proibidas em diversos lugares do mundo! Confira.

Teor alcoólico no sangue

No Brasil, a Lei Seca estabelece que o limite de álcool por litro de ar para o teste do bafômetro deve ser 0,05 miligramas. Para exames de sangue, nenhuma quantidade é tolerada.

Já para que o motorista responda por crime de trânsito, a tolerância é de 0,34 miligramas de álcool por litro de ar, no caso do bafômetro, ou 6 decigramas por litro de sangue.

A cerveja, o espumante e o saquê possuem teor alcoólico mais brando

O teor alcoólico varia de bebida para bebida (Foto: depositphotos)

Há bebidas tão fortes que esses níveis podem ser alcançados em segundos após a ingestão. Veja quais são as bebidas com alto teor alcoólico.

Teor alcoólico por tipo de bebida

Você costuma beber cerveja, espumante ou vinho? Percebe que mesmo nas mesmas quantidades, há algumas que causam mais tonteira que outras? Descubra a concentração média de etanol em cada segmento.

Cachaça

A cachaça é extraída da cana-de-açúcar

O teor alcoólico da cachaça é de 38 a 48% (Foto: depositphotos)

A nossa velha e irresistível cachaça, matéria-prima para as famosas caipirinha brasileira que faz sucesso no mundo inteiro, possui entre 38% e 48% de teor alcoólico.

Cerveja

A cerveja é extraída a partir da cevada, lúpulo e malte

O teor alcoólico da cerveja fica entre 5 a 9% (Foto: depositphotos)

As tradicionais cervejas podem ser compostas de água, lúpulo, malte, levedura, trigo, milho, cevada, aveia, açúcares e xaropes. A concentração alcoólica é leve, cerca de 5 a 9%. Já o chope fica na casa dos 5%.

Veja também: Saiba qual é o país onde mais se consome bebida alcoólica

Espumante

O espumante é extraído a partir da fermentação de uvas

O teor alcoólico do espumante é de 11% (Foto: depositphotos)

O espumante que costuma ser apreciado em comemorações como vitórias, viradas de ano e outras conquistas tem 11% de álcool.

Saquê

O saquê é extraído do arroz branco polido

O teor alcoólico do saquê é de 16% (Foto: depositphotos)

A bebida geralmente associada à gastronomia oriental também ostenta bastante álcool em sua composição. São cerca de 16%.

Vinho

O vinho é extraído da fermentação de uvas escuras e verdes

O teor alcoólico do vinho fica entre 12 a 14% (Foto: depositphotos)

A bebida dos deuses e que possui um mercado forte e milionário por trás tem concentrações de 12 a 14%. O branco seco ou doce é 12%, o tinto varia até 14%.

Vodka

A voka é feita a partir de cereais, como: milho, trigo, centeio e cevada

O teor alcoólico da vodka é de até 40% (Foto: depositphotos)

A famosa bebida do Leste europeu chega a ter 40% de álcool nos casos mais concentrados e 13% nas mais fracas.

Tequila

A tequila é produzida a partir da planta Agave tequilana

O teor alcoólico da tequila é de 27% (Foto: depositphotos)

A tequila é uma bebida muito querida nas Américas, principalmente no Estados Unidos e na região central do continente. São 27% de teor alcoólico.

Whisky

O whisky é feito a partir de cereais maltados

O teor alcoólico do whisky é de até 47% (Foto: depositphotos)

O famoso destilado pode ostentar até 47% de concentração de álcool na sua composição.

Bebidas mais fortes do planeta

Cocoroco

É no México que é produzida a bebida com o mais alto teor alcoólico do mundo! São 96%! Sua embalagem é feita em lata o que lhe dá um aspecto ainda mais peculiar. A cana de açúcar é a sua principal matéria-prima e é proibida na maioria dos países que estabelecem concentrações alcoólica bem menores que essa.

Veja também: 9 dicas para se divertir sem gafes na confraternização da empresa

Spirytus Rektyfikowany

Esse é o tipo de bebida cuja concentração de 95% é utilizada para fazer outros destilados ou drinks. Ele pode ser produzido a partir de grãos, uvas, beterrabas-sacarinas ou cana-de-açúcar.

Everclear

Feita de milho, essa é uma bebida com 95% de teor alcoólico produzido pelos Estados Unidos. Proibida em grande parte do mundo, inclusive no próprio país que a produz a Everclear.

Absinto Hapsburgh

O absinto é uma bebida que exerce um certo fascínio nas pessoas. Grande parte disso se deve por ser uma bebida muito consumida na antiguidade por artistas e pela sua cor verde que já foi utilizada até como remédio. Sua concentração é de 89% de álcool.

Como eliminar o teor alcoólico do corpo mais rápido?

Em entrevista ao Portal R7, o médico Ronaldo Laranjeiras, professor-titular da Unifesp, a Universidade Federal de São Paulo, e diretor da Uniad, a Unidade de Pesquisa em Álcool e Outras Drogas, revelou que o café, água ou cochilo não colaboram para diminuir o teor alcoólico do organismo.

A água é importante para o momento ressaca, quando o corpo precisa ficar hidratado, mas na prática não contribui para reduzir os sintomas do álcool.

Só existe uma caminho para isso acontecer: o tempo! “Se a pessoa ingerir cinco copos de cerveja, a metabolização total do álcool será de cinco horas. Se a ingestão for de 12 copos, a espera deve ser de 12 horas”, explica o especialista.

Logo, as receitas propagadas como infalíveis como vinagre, remédios sintéticos, banho frio, mais bebida ou qualquer outro tipo de truque para acelerar o metabolismo do álcool não são comprovados cientificamente.

O médico afirma ainda ao R7 que as mulheres costumam absorver mais rapidamente o álcool no organismo, em compensação demoram mais para ficar sóbrias. Além do público feminino, os efeitos de embriaguez também são mais acelerados em pessoas acima do peso, homens e mulheres mais velhos e nos povos do Leste asiático.

Veja também: Entenda a dependência física e como identificá-la

Um estudo feito pela Pesquisa Nacional de Álcool dos Estados Unidos e divulgada posteriormente pela BBC, diz que 4% das pessoas ficam bêbadas com um drinque, 11% depois de dois, 21% no terceiro e 63% a partir do quatro.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista formada pela Universidade Federal da Paraíba com especialização em Comunicação Empresarial. Passagens pelas redações da BandNews e BandSports, TV Jornal e assessoria de imprensa de órgãos públicos.