Verbos. Confira os terminados em guar, guir, quar, quir

O Novo Acordo Ortográfico, assinado por representantes dos países de língua oficial portuguesa, tem o objetivo de simplificar as regras ortográficas do idioma, facilitando a sua difusão internacional.

Dentre as alterações feitas está a mudança na acentuação e pronúncia dos verbos terminados em GUAR, GUIR, QUAR e QUIR, quando estiverem conjugados no presente do indicativo e presente do subjuntivo e em suas formas rizotônicas (as que têm o acento tônico no radical).

Acentuação e pronúncia

Uma importante mudança trazida pelo Novo Acordo Ortográfico envolve os verbos terminados em GUAR, GUIR, QUAR e QUIR, como arguir, delinquir, aguar, averiguar, desaguar, enxaguar e obliquar.

Verbos. Confira os terminados em guar, guir, quar, quir

Foto: depositphotos

É importante ressaltar que as alterações apenas são válidas nas conjugações do presente do indicativo, presentes do subjuntivo e em suas formas rizotônicas. Alguns verbos admitem duas pronúncias em algumas formas do presente do indicativo, do presente do subjuntivo e também do imperativo.

Confira as mudanças a seguir:

  1. a) Verbos terminados em guir – arguir e redarguir – perdem o acento agudo na vogal tônica em suas formas rizotônicas. Observe o quadro a seguir, retirado de um manual elaborado pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS):
Presente do IndicativoPresente do Subjuntivo
Arguo (leia-se argúo, mas não leva acento)Argua (leia-se argúa, mas não leva acento)
Arguis (leia-se argúis, mas não leva acento)Arguas (leia-se argúas, mas não leva acento)
Argui (leia-se argúi, mas não leva acento)Argua (leia-se argúa, mas não leva acento)
Arguímos (a sílaba tônica é í)Arguamos (a sílaba tônica é a)
Arguís (a sílaba tônica é ís)Arguais (a sílaba tônica é ais)
Arguem (leia-se argúem, mas não leva acento)Arguam (leia-se argúam, mas não leva acento)
  1. b) Verbos terminados em guar, quar e quir, como aguar, apaziguar, desaguar, enxaguar e delinquir, por exemplo, podem ser conjugados de duas formas. Confira os exemplos nas tabelas a seguir, também retiradas do manual elaborado pela UERGS:

Verbo ENXAGUAR

Presente do IndicativoPresente do Subjuntivo
Enxaguo (leia-se enxagúo, mas não leva acento)Enxague (leia-se enxagúe, mas não leva acento)
Enxaguas (leia-se enxagúas, mas não leva acento)Enxagues (leia-se enxagúes, mas não leva acento)
Enxagua (leia-se enxagúa, mas não leva acento)Enxague (leia-se enxagúe, mas não leva acento)
Enxaguamos (a sílaba tônica é gua)Enxaguemos (leia-se enxagüemos, mas não leva trema)
Enxaguais (a sílaba tônica é guais)Enxagueis (leia-se enxagüeis, sem trema)
Enxaguam (leia-se enxagúam, mas não leva acento)Enxaguem (leia-se enxagúem, mas não leva acento)
OUOU
EnxáguoEnxágue (sem trema, mas com o u pronunciado)
EnxáguasEnxágues (sem trema, mas com o u pronunciado)
EnxáguaEnxágue (sem trema, mas com o u pronunciado)
EnxaguamosEnxáguemos (sem trema, mas com o u pronunciado)
EnxaguaisEnxagueis (sem trema, mas com o u pronunciado)
EnxáguamEnxáguem (sem trema, mas com o u pronunciado)

Verbo DELINQUIR

Presente do IndicativoPresente do Subjuntivo
Delinquo (leia-se delinqúo, mas não leva acento)Delinqua (leia-se delinqúa, mas não leva acento)
Delinques (leia-se delinqúes, mas não leva acento)Delinquas (leia-se delinqúas, mas não leva acento)
Delinque (leia-se delinqúe, mas não leva acento)Delinqua (leia-se delinqúa, mas não leva acento)
Delinquimos (leia-se delinqüimos, mas sem trema)Delinquamos (sílaba tônica é qua)
Delinquis (leia-se delinqüis, mas sem trema)Delinquais (sílaba tônica é quais)
Delinquem (leia-se delinqúem, mas não leva acento)Delinquam (leia-se delinqúam, mas não leva acento)
OUOU
DelínquoDelínqua
Delínques (sem trema, mas com o u pronunciado)Delínquas
Delínque (sem trema, mas com o u pronunciado)Delínqua
Delinquimos (leia-se delinqüimos, mas não leva trema)Delinquamos
Delinquis (leia-se delinqüis, mas não leva trema)Delinquais
Delinquem (sem trema, mas com o u pronunciado)Delínquam

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.