Biografia de Eduardo Campos

Eduardo Henrique Accioly Campos foi um político recifense que teve sua história marcada por um trágico acidente de avião. Conheça mais sobre sua biografia


Eduardo Henrique Accioly Campos foi um político recifense que teve sua história marcada por um trágico acidente de avião. Conheça mais sobre a biografia de Eduardo Campos.

O recifense nasceu em 10 de agosto de 1965, filho da advogada Ana Arraes de Alencar e do poeta e cronista Maximiano Accioly Campos. Eduardo Campos era casado com a economista Renata de Andrade Lima com quem teve cinco filhos: Maria Eduarda, João Henrique, Pedro Henrique, José Henrique e Miguel.

Formou-se, em 1985, em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) onde teve seu primeiro engajamento político, quando foi Presidente do Diretório Acadêmico.

biografia-de-eduardo-campos

Foto: reprodução/wikimedia

Neto do ex-prefeito do Recife, ex-deputado estadual e federal e ainda ex-governador de Pernambuco, Miguel Arraes, Eduardo cresceu no meio do ambiente político. Em 1986, participou da campanha do avô e tornou-se chefe de gabinete, em 1987.

Eduardo Campos foi governador do Estado de Pernambuco por dois mandatos (a primeira vez no ano de 2006 e sua reeleição na campanha de 2010). Foi ainda Deputado Estadual (1990),  Secretário da Fazenda (1995), Deputado Federal por dois mandatos (1998/2002), Ministro da Ciência e Tecnologia (2003), Presidente Nacional do Partido Socialista Brasileiro (PSB) (2005) e pré-candidato à Presidência da República nas eleições de 2014, tendo esta interrompida em razão da sua morte.

Eduardo Campos morreu em uma queda de avião em Santos, São Paulo, no dia 17 de agosto de 2014, mesmo dia da morte do avô Miguel Arraes.

Depois de sua morte, o nome de Eduardo Campos foi citado como suspeito de esquemas de corrupção. A Polícia Federal suspeita do envolvimento do ex-governador em um esquema de lavagem de dinheiro que teria movimentado mais de R$ 600 milhões para a campanha de reeleição de governador em 2010 e nas eleições presidenciais de 2014.

Ainda segundo a Polícia Federal, esse dinheiro também teria sido usada para comprar o avião que foi utilizado por Eduardo Campos em sua campanha, no qual sofreu o acidente que resultou em sua morte.


Reportar erro