Descubra: De onde veio toda a água que existe no mundo?

Uma das primeiras hipóteses é a de que a água teria chegado no planeta através dos cometas que aterrissaram na Terra


Usada para saciar a sede, na higienização e até para gerar eletricidade, a água é um bem precioso em todo o mundo. E, mesmo com todo o desperdício e as maneiras erradas de usar este recurso tão importante, ele ainda se encontra em 70% de todo o espaço do Planeta Terra. Diante desta vasta riqueza, uma pergunta pode emergir: de onde surgiu tanta água?

Foi levando em consideração esse questionamento que cientistas em todo o mundo tentam encontrar respostas que façam sentido cientificamente. Contudo, mesmo com os avanços da tecnologia e com outras descobertas relacionadas ao sistema solar, ainda não há uma teoria totalmente aceita e que responda, sem dúvidas, sobre a existência da água no Planeta. O que existem são teorias, que você descobre a seguir.

O processo de condensação

De acordo com a teoria científica mais aceita, o Planeta Terra teria surgido através de colisões de partículas. Em seguida, corpos maiores foram chocando-se com o mundo em formação e, com isso, agregaram mais volume ao globo. Todo esse processo iniciou-se há 4,5 bilhões de anos. Contudo, o Planeta era um espaço muito quente, pois sofria com a ação do sol. Após milhares de anos, a Terra começou a esfriar, o magma tornou-se rochas e a água passou a ser condensada.

Apesar da certeza do processo de condensação, isto é, o processo de transformação do vapor para o líquido, os cientistas ainda não chegaram a uma conclusão plausível de como a Terra tornou-se tão rica em água. Diante deste mistério, o site Live Science publicou  duas hipóteses levantadas por alguns cientistas, são elas: através de corpos celestes ou pelo cinturão de asteroides.

Descubra: De onde veio toda a água que existe no mundo?

Foto: Depositphotos

A água de carona com os cometas

Uma das primeiras hipóteses é a de que a água teria chegado no planeta através dos cometas que aterrissaram na Terra. Isso porque, de acordo com os cientistas, corpos celestes que viajavam pelo Sistema Solar teriam se chocado com o globo. Entre estas partículas, existiam rochas e grandes fragmentos de gelo.

Todavia, tal hipótese perdeu força quando os estudiosos avaliaram a composição das caudas dos principais cometas que orbitam o planeta. Segundo os resultados das análises, o gelo existente nestes corpos celestes são diferentes da água que é encontrada na Terra. Foi então que surgiu outra explicação, a dos asteroides.

O líquido precioso da Terra direto dos asteroides

Encontrado na órbita de Júpiter e de Marte, o cinturão de asteroides é formado por partículas rochosas e metálicas. Entretanto, um destes corpos, chamado de 24 Themis, possui gelo em sua composição, o que leva a crer que existem mais asteroides com este mesmo material. Mesmo com esta descoberta, não se sabe ao certo se este foi realmente o início de água no Planeta, mas com certeza esta teoria abriu espaço para mais possibilidades de estudo.


Reportar erro