Entenda como conseguir o Fies usando a nota do Enem

O Enem é uma das formas de ingressar na faculdade. Mas também é um dos critérios para conseguir o Fies


O Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) é uma das principais formas de se ingressar na faculdade. Mas a avaliação ainda tem diversas outras utilidades.

O Enem serve como um dos principais critérios para a aquisição de bolsas de estudos e até mesmo para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). O programa é uma realização do Ministério da Educação que financia os estudos em instituições particulares.

Como funciona o Fies

Entenda como conseguir o Fies usando a nota do Enem

Foto: depositphotos

Durante os anos de curso da faculdade, o Fies é quem arca com as mensalidades do curso. A cada três meses o estudante deve pagar o valor máximo de até R$ 150,00 que são referentes ao pagamento de juros incidentes sobre o financiamento.

Após a conclusão do curso, o aluno tem 18 meses de carência até passar a pagar o valor do financiamento. Mas durante este período ele deve continuar pegando os R$ 150,00 no mesmo período de tempo.

Quando o período da carência é encerrado e já houve tempo do estudante começar sua vida profissional, o financiamento deve começar a ser pago. O valor pode ser em até três vezes o período financiado do curso.

Como se inscreve no Fies

Para se inscrever no programa, o estudante deve apresentar uma renda familiar mensal de até três salários mínimos. O valor do percentual do financiamento irá variar de acordo com a renda familiar e número de pessoas que moram junto com o estudante.

Qual a relação do Enem com o Fies

Além de ter a renda familiar dentro dos limites exigidos, o aluno precisa ter participado de algumas das edições do Enem a partir de 2010. É preciso que o estudante tenha conseguido alcançar, pelo menos, 450 pontos nas médias da provas e não ter zerado a redação.


Reportar erro