Ortografia

Saiba como são definidas as regras que regem a forma que escrevemos as palavras e veja a importância da ortografia para língua portuguesa


Por mais que tenhamos conhecimento sobre a Língua Portuguesa algumas dúvidas sempre surgem durante a elaboração de um texto ou no meio de uma simples conversa pela internet. A forma que as palavras são escritas é um dos temas recorrentes entre esses questionamentos duvidosos, um dos motivos de isso acontecer é a confusão que muitas pessoas fazem na definição de fonema e de ortografia.

O que é ortografia

Ortografia

Imagem: Reprodução

A palavra ortografia já entrega o ouro e mostra qual é seu significado, ela originou-se de dois radicais gregos: orto = correto, e grafia = escrita, logo ortografia significa a vertente linguística da gramática que se ocupa de estudar e definir qual o conjunto de símbolos gráficos (letras e sinais diacríticos) vai representar cada palavra. A ortografia foi criada para servir de norte para que as pessoas tenham um parâmetro de qual a forma correta de escrever um vocábulo, a fim de que palavras sempre tenham a mesma grafia e possam ser compreendidas por todos os falantes de uma mesma língua.

Fonema

O fonema é um grande causador de confusão e uma das principais causas da escrita errada das palavras. O dicionário diz que o fonema é “a menor unidade sonora do sistema fonológico de uma língua”. Logo o fonema é o som de uma letra ou sílaba e as palavras são a representação gráfica desses fonemas. Como alguns fonemas podem ser representados por várias letras – como é o caso do fonema /Z/ que pode ser expresso pela letra S ou X – é comum muita confusão entre as pessoas. Os dígrafos (nh, ch, xc, lh, xç) também provocam muitas dúvidas nas pessoas, principalmente no início da fase escolar.

Acordos ortográficos

A ortografia de um idioma e a forma que ele deve ser aplicado é definida pelos acordos ortográficos, que geralmente são feitos em conjunto por vários países falantes da mesma língua oficial. Esses acordos levam em conta critérios etimológicos e fonológicos, e sua definição é feita com a intenção de facilitar e unificar as nações falantes do mesmo idioma, que muitas vezes possuem fortes diferenças entre si.

Novo acordo Ortográfico: Brasil e Portugal

Quando o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa foi sancionado e legitimado em 2009, foi grande o falatório a respeito das novas regras da ortografia, mas atualmente as mudanças já estão sendo bem vistas.

Brasil e Portugal tentavam unificar os sistemas de escrita, uma vez que fazer isso com a pronúncia é impossível, desde 1931 e foram mais de sete tentativas frustradas antes que todos os impedimentos desaparecessem. Entre as mudanças conferidas no novo acordo está a junção das letras K, W e Y ao alfabeto português oficial e a abolição do sinal gráfico trema (¨).


Reportar erro