Egito

O Egito é mundialmente famoso por partes de sua história que são conhecidas pela população, especialmente acontecimentos bíblicos que ocorreram na região onde está o território do Egito, bem como pela presença das famosas pirâmides.

O Egito atualmente é muito diferente do que era o Egito Antigo, mas apesar disso, são muitas as histórias e os mistérios que envolvem a história desta nação, uma das mais antigas do mundo.

Localização do Egito

A República Árabe do Egito, mais conhecida apenas por Egito, é um país localizado no continente africano, mais precisamente em sua porção Nordeste.

Construções antigas do Egito

O Egito é conhecido por suas construções faraônicas (Foto: depositphotos)

A região onde está o território do Egito é conhecida como África Mediterrânea, a qual foi dominada pelos povos árabes durante os séculos VII e VIII, que levaram consigo a religião islâmica e o idioma árabe, os quais se perpetuam até os dias atuais na região.

O território do Egito faz fronteira física com o continente asiático. Ao Oeste sua fronteira é com a Líbia, ao Sul com o Sudão, a Nordeste faz fronteira com a chamada “Faixa de Gaza” e Israel. Ao Norte do território do Egito está o Mar Mediterrâneo e ao Leste está o Mar Vermelho.

Mapa do Egito

Mapa do Egito

Exemplo de mapa político do Egito, com a divisão territorial, as fronteiras e apontando sua capital, Cairo (Foto: depositphotos)

Capital do Egito

A capital da República Árabe do Egito é Cairo, a maior cidade do Egito. Cairo conta com uma população de mais de 19,5 milhões, com um território de 3.085 quilômetros quadrados de extensão. A cidade é o centro político, econômico e cultural do Egito.

Bandeira do Egito

A bandeira do Egito é formada a partir de três faixas em sentido horizontal, todas do mesmo tamanho. As cores da bandeira são o vermelho na faixa superior, branco na faixa do centro e preto na faixa inferior.

No centro, sobre a faixa branca, há uma “Águia de Saladino” em cor dourada. A bandeira do Egito foi adotada no ano de 1984.

Bandeira do Egito

A República Árabe do Egito possui uma bandeira tricolor (Foto: depositphotos)

Egito Antigo

O Egito Antigo foi o berço de uma das mais importantes civilizações terrestres, tendo sido formada a partir da mistura de diversos povos antes independentes. Essa civilização originou-se nas margens do Rio Nilo, em uma região ao Nordeste do continente africano, ao entorno de 3000 a.C.

Essa região onde a civilização se desenvolveu é bastante árida e o Rio Nilo é fonte de vida para as populações, especialmente porque ao longo do curso do rio é formado um vale fértil, propício para a agricultura.

Pintura do antigo Egito

A civilização antiga do Egito originou-se nas margens do Rio Nilo (Foto: depositphotos)

Como se formou o povo egípcio?

Os registros mais antigos de civilização nas margens do Rio Nilo, onde se desenvolveu a civilização egípcia, datam de aproximadamente 6.000 anos.

Em um primeiro momento, houve a aglomeração de grupos isolados que viviam na região, formando dois grandes grupos, o do Baixo Egito, que ficava próximo ao Delta do Nilo, e o do Alto Egito, o qual ficava ao Sul do africano.

Já por volta do ano de 3.200 a.C, o Rei Menés (representante do Alto Egito) promoveu a unificação de todo o território e dos dois povos, se tornando o primeiro Faraó egípcio, dando início a um período que ficou conhecido como a Era dos Faraós.

Os historiadores dividem a história do Egito em três momentos importantes: o Antigo Império; Médio Império e o Novo Império, quando aqueles povos conquistaram avanços em várias áreas, formando as bases do que viria a ser o Egito atual.

Qual é a língua falada no Egito?

Como herança da civilização que ocupou a área antigamente, o idioma que foi disseminado e oficializado na região do Egito é a Língua Árabe. Este é o idioma oficial de 26 países, sendo um dos mais falados no mundo, atrás apenas do inglês e francês.

O alfabeto árabe é o segundo mais utilizado no mundo todo, ficando apenas atrás do alfabeto latino. Este alfabeto é formado por 28 letras e suas variantes.

Alfabeto árabe

O árabe é a língua oficial do Egito, sendo uma das mais faladas no mundo (Foto: depositphotos)

Clima do Egito

No Egito são encontradas características de climas mediterrâneos na porção Norte e nas costas Setentrionais do território, enquanto na porção mais central e Sul do Egito é comum os climas semidesértico e continental.

Uma das principais características do clima do Egito é a escassez de chuvas, sendo que as médias de precipitação são bastante baixas no decorrer do ano. Os meses onde o clima é mais ameno no Egito são março, abril, outubro e novembro, quando muitos turistas optam por conhecer o país, especialmente aqueles que não estão habituados com a aridez e o calor tão intensos.

Turismo no Egito

Por ser um país com longa história, o Egito é um dos lugares turísticos mais apreciados do mundo. Cairo, capital do Egito, é um dos pontos de visitação favoritos, isso porque está à margem do Rio Nilo, onde está também o Museu Egípcio, que conta a história daquele povo.

O sítio arqueológico das Pirâmides de Gizé também é um local de turismo bastante conhecido, assim como Khan el Khalili, que é uma área comercial muito antiga, onde se vende de tudo em pequenas tendas.

Ainda, são pontos de visitação frequentes a Mesquita de Muhammad Ali, a Pirâmide de Djoser, a Torre do Cairo, a Igreja Ortodoxa Copta de Santa Virgem Maria, uma das mais antigas igrejas do Egito, a Praça Tahrir, dentre muitos outros locais relacionados com a cultura e história do local.

Curiosidades sobre o Egito

  • As pirâmides não são meras construções de um povo, elas guardam parte da história, cultura e religião daqueles que as construíram. As pirâmides são túmulos que foram construídos para depositar os restos mortais dos faraós do Egito Antigo, pois eles acreditavam que mesmo depois de morto, o espírito continuaria no corpo e o faraó continuaria governando em outro plano. O faraó era colocado em um sarcófago e levado para a pirâmide com seus melhores pertences, e tudo era feito de forma muito luxuosa na época
  •  Egito foi um dos países afetados pelas manifestações e protestos ocorridos no ano de 2011, os quais ficaram conhecidos como Primavera Árabe. No Egito, os manifestos foram contra o então presidente e ditador Mohammed Hosni Mubarak, o qual já estava no poder há 30 anos. Após conflitos, Hosni Mubarak renunciou ao cargo. No ano de 2014, foi eleito o então presidente do Egito Abdul Fatah Khalil Al-Sisi, reeleito em 2018.
Referências
DOBERSTEIN, Arnoldo Walter. “O Egito antigo“. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2010.

Sobre o autor

Avatar
Mestre em Geografia e Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU) e em Educação Profissional e Tecnológica (São Braz).