Significado da bandeira da Lituânia

Esse país é desenvolvido e ocupa a 35ª posição no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH)

Os vários países do mundo adotam símbolos que os representam oficialmente, geralmente caracterizados pelo hino nacional e a bandeira nacional, dentre outros que se julguem importantes.

As bandeiras são os símbolos visuais representativos de um Estado soberano, geralmente sendo de uso obrigatório em eventos ou espaços oficiais. As bandeiras são, assim, parte do conjunto de elementos identitários de uma dada nação.

Em muitas ocasiões, as bandeiras retratam parte do passado dos locais que representam, identificando dados relevantes da história destes. Em outras ocasiões, são utilizadas como representantes de elementos que se julgam de destaque naquele local, como as riquezas naturais.

Assim, há uma variação grande de concepções acerca das bandeiras, as quais sofrem variações de cores, proporções e simbologias em conformidade com os locais que representam.

A bandeira da Lituânia e o significado das suas cores e formas

A bandeira da Lituânia apresenta apenas três faixas em sentido horizontal

Os últimos ajustes dessa bandeira aconteceram em 2004 (Foto: depositphotos)

A Lituânia, assim como os demais países do globo, adota símbolos oficiais que representam sua soberania, e um destes símbolos é a sua bandeira.

A bandeira da Lituânia é bastante simples em sua composição, já que apresenta apenas três faixas em sentido horizontal, todas da mesma dimensão. A faixa localizada na parte superior da bandeira possui coloração amarela, já a faixa central desta possui coloração verde, enquanto a faixa da parte inferior da bandeira possui coloração vermelha.

Portanto, a composição da bandeira é um tricolor em faixas horizontais que ocupam todo retângulo. As proporções utilizadas pela bandeira da Lituânia são de 3:5, o que foi adotado mais recentemente no ano de 2004, pois anteriormente havia uma outra proporção aceita, que era de 1:2.

Assim, considera-se que os ajustes mais recentes na bandeira da Lituânia, feitos oficialmente, denotam do ano de 2004. É relevante destacar que foi aprovada no dia 26 de junho de 1991 a Lei da República da Lituânia, a qual discorria sobre o design, tamanho e o uso da bandeira do Estado, definindo as permissões e proibições do uso deste símbolo nacional.

Veja também: Significado da bandeira da Letônia

Cores

Em relação as cores utilizadas pela bandeira, definiu-se que o amarelo na bandeira simboliza o Sol, bem como a luz e a prosperidade. Já o verde representa a beleza da natureza lituana, ainda, a liberdade e a esperança daquele povo. Enquanto o vermelho retrata o solo, mas também a coragem e o sangue derramado pela pátria.

Assim, no caso da Lituânia ocorre o mesmo que em vários outros lugares do mundo, as cores adotadas na bandeira não possuem uma delimitação única e imutável, mas abarcam vários sentidos de importância para os povos das quais são representantes.

Bandeira histórica do Estado lituano

A Lituânia tem ainda mais uma bandeira considerada como oficial, que é Bandeira histórica do Estado lituano, a qual foi tornada oficial em 2004. Ela é formada por uma base retangular totalmente vermelha, na qual está sobreposta em sua porção central o brasão nacional, representado por um cavaleiro com uma espada e um escudo em suas mãos.

As cores adotadas neste brasão são branco, amarelo e azul, com detalhes em dourado. O símbolo deste brasão foi um dos utilizados na Batalha de Grunwald, a qual também ficou conhecia como Primeira Batalha de Tannenberg, nos anos de 1410, com uma oposição dos exércitos Polaco-Lituano e seus aliados em relação aos exércitos da Ordem dos Cavaleiros Teutónicos.

Veja também: Significado da bandeira da Estônia

Havia uma outra bandeira utilizada, no entanto, esta com o brasão do cavaleiro era utilizada pela maioria dos governos. A bandeira em questão tinha um nome, era conhecida como Vytis. Ela foi ainda utilizada ainda como Bandeira de Guerra da Lituânia, tendo sido classificada como Bandeira histórica do Estado lituano em 2004.

Essa bandeira foi adotada na Batalha de Grunwald, nos anos de 1410

Bandeira histórica do Estado lituano (Foto: Reprodução | Wikimedia Commons)

A Lituânia e suas características

A Lituânia é um dos três países bálticos, os quais constituem uma região no Nordeste da Europa, especificamente na costa Leste do mar Báltico, onde estão localizados os modernos estados da Lituânia, Letônia e Estônia.

A Lituânia possui uma extensão territorial de 65.300 km², cuja capital é Vilnius, e a divisão política é constituída por dez condados, os quais são divididos em municipalidades.

Veja também: Mar Báltico

População

No ano de 2016, a Lituânia contava com uma população de mais de 2,872 milhões de habitantes, apresentando um decréscimo de sua população pelo menos desde a década de 1990.

Dentre os países bálticos, a Lituânia é o maior e mais populoso, sendo que a composição populacional desta é formada por 83,5% da população de lituanos étnicos, os quais falam a língua lituana.

Em relação aos grupos minoritários, os de maior expressividade são os polacos, representando 7% da população, os russos, representando 5% e, ainda, os bielorrussos, representando 1,5%.

Economia

Em relação à questão econômica da Lituânia, os setores de destaque desta são o comércio grossista e retalhista, bem como os serviços de transportes, alojamento e de restauração.

A indústria da Lituânia também tem destaque em relação ao contexto econômico, bem como a administração pública, a defesa, a educação, os serviços sociais e a área da saúde, os quais destacam-se no cenário internacional, especialmente no âmbito da União Europeia.

Mais de 60% das exportações lituanas são destinadas aos países da União Europeia, especialmente a Letônia (também país báltico), a Polônia e a Alemanha. Para fora da União Europeia, destacam-se as exportações lituanas para os Estados Unidos e a Rússia.

Já em relação ao setor de importações na Lituânia, destacam-se as advindas da Alemanha, da Polônia e da Letônia, o que constitui trocas comerciais importantes, bem como de fora da União Europeia, da Rússia e da China. A Lituânia entrou na União Europeia no ano de 2004, apresentando uma elevação em suas taxas de crescimento desde aquele momento.

Turismo

Em relação ao turismo na Lituânia, são destaques os pacotes que direcionam os turistas para ambas as três ex-repúblicas da União Soviética, incluindo a Letônia e a Estônia, todas com importantes espaços turísticos. A capital da Lituânia, Vilnius, é um dos pontos mais visitados, juntamente com Kaunas.

Veja também: Castelos medievais – Ícones da idade média

Ambos os locais possuem construções históricas, inclusive com um castelo medieval na capital, bem como várias igrejas barrocas. Quanto a religião da Lituânia, há uma predominância do Cristianismo, sendo que a Igreja Católica Romana é a maior instituição religiosa daquele país.

A Lituânia vem apresentando uma melhora significativa em relação ao Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) desde a década de 1990, o que se reflete em uma melhoria de vida geral da população.

 

Referências

» LITUÂNIA. União Europeia. Disponível em: https://europa.eu/european-union/about-eu/countries/member-countries/lithuania_pt. Acesso em 06 fev. 2018.

» VESENTINI, José William. Geografia: o mundo em transição. São Paulo: Ática, 2011.

Sobre o autor

Avatar
Mestre em Geografia e Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU) e em Educação Profissional e Tecnológica (São Braz).