Aprenda tudo sobre as conjunciones coordinantes

A classificação acontece de acordo com o tipo de relação que se estabelece nas unidades que estão unindas

As conjunções (las conjunciones, em espanhol) são vocábulos ou sintagmas que unem dois termos de uma mesma oração ou duas orações, podendo estabelecer uma relação de coordenação ou de subordinação. As conjunções coordenativas (conjunciones coordinantes), tema deste artigo, são as que exercem a função de coordenar períodos ou sintagmas do mesmo tipo ou função, sem dependência entre elas.

As conjunciones coordinantes

As conjunciones coordinantes são classificadas de acordo com o tipo de relação que estabelece nas unidades que estão unindo. Saiba mais a seguir.

Existem cinco classificações de conjunciones coordinantes

Esses vocábulos unem dois termos de uma ou mais orações (Foto: depositphotos)

Conjunciones Copulativas (em português, aditivas)

As conjunções aditivas (conjunciones copulativas) têm a função de somar elementos, transmitindo a ideia de união, adição ou conjunto, de forma positiva ou negativa. São elas: y, e, ni.

Exemplos:

-Comí pan y jamón. (Comi pão e presunto)
-No compró los bolígrafos ni los libros. (Não comprou as canetas, tampouco os livros)
-Ella es hermosa e inteligente. (Ela é bonita e inteligente)

Importante! Como podemos observar no último exemplo acima, o “y” se transforma em “e” quando vem antes de palavras iniciada por “i” ou “hi”.

Veja também: Conheça sobre os graus do adjetivo e do advérbio em espanhol

Conjunciones disyuntivas (em português, alternativas)

As conjunções alternativas (conjunciones disyuntivas) ligam dois termos da mesma oração, ou duas orações, de sentido diferente. São utilizadas principalmente para escolher algo entre vários elementos. São elas: o, u.

Exemplos:

-Estudio o trabajo. (Estudo ou trabalho)
-Leo u oigo música. (Leio ou ouço música)

Atenção! Como podemos observar no último exemplo acima, o “o” deve ser substituído por “u” quando vier antes de “o” ou “ho”.

Conjunciones adversativas

As conjunções adversativas expressam oposição ou contraste. As mais utilizadas são pero e sino.

Exemplos:

-Me gustaría ir, pero no tengo dinero. (Gostaria de ir, mas não tenho dinheiro)
-No es invierno sino verano. (Não é inverno, mas sim verão)

Outras conjunções que designam ideias contrárias são as seguintes: antes bien, aunque, en cambio, más bien, sin embargo, por lo demás.

Veja também: Interjección: significado e características

Conjunciones distributivas

As conjunções distributivas são aquelas que servem para indicar distribuição ou alternância. São elas: ya.. ya; ora…ora; bien…bien; sea…sea.

Exemplos:

-Puedo trabajar bien de camarero, bien de cocinero. (Posso trabalhar tanto de garçom como de cozinheiro)
-Ya en la pobreza, ya en la riqueza, somos dos. (Seja na pobreza ou na riqueza, somos dois)

Conjunciones explicativas

As conjunções explicativas são utilizadas para unir duas ideias, e sua característica principal reside no fato de que a segunda informação explica a primeira. São elas: es decir; esto es; o sea; mejor dicho; es más.

Exemplos:

-Se fue al outro mundo, es decir, se murió. (Foi para outro mundo, ou seja, morreu)
-Somos omnívoros, o sea, comemos de todo. (Somos onívoros, ou seja, comemos de tudo)

Veja tambémPreposiciones: Aprenda sobre as preposições em espanhol

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.